Fiéis participam da Missa dos Enfermos na matriz de São José de Muzambinho

Na tarde de 16 de abril, fazendo parta da programação da celebração da Semana Santa, foi celebrada na Igreja Matriz São José, pelo vigário Padre José Ronaldo, e co-celebrada pelos padres Alexandre José Gonçalves e Leandro José de Melo, a Missa pelos Enfermos.

Em sua homilia Padre José Ronaldo nos atenta ao evangelho no qual o cego Bartimeu se aproxima de Jesus de Nazaré e grita de forma desesperada e, ao mesmo tempo, esperançosa ao afirmar que só Jesus podia fazer algo por ele. Mesmo sendo repreendido afastado pelas pessoas que pediam que ele se calasse, ele gritava em alta voz: “Jesus, filho de Davi, tem compaixão de mim!” (Mateus 10, 47).

“O grito daquele cego é o grito dos pobres, dos indigentes, de tantas pessoas famintas, marginalizadas, esquecidas e abandonadas que vivem hoje em nossa sociedade, nas nossas ruas, no mundo em que nós vivemos e que não podem enxergar a esperança de dias melhores. Enquanto os homens não o enxergam, Jesus o vê, o enxerga, e lhe pergunta: “O que tu queres de mim?”. E, conforme a vontade dele, Jesus lhe recupera a vista. Que o Senhor, que curou Bartimeu, cure tantos “Bartimeus” nos dias de hoje, incluindo a mim, a você e a todos nós que temos alguma cegueira que não nos permite enxergar o que precisamos, de fato, ver”, disse Padre José Ronaldo.

Após a benção final, os enfermos e idosos que estavam presente, receberam dos padres o Sacramento dos Enfermos, um Sacramento que a Igreja oferece pela Graça de Deus, numa hora tão difícil de doença, mas que também nos fortalece. Esse Sacramento também é chamado de Sacramento da Cura.

Por Viviane Lemos

Confira as fotos:

DSC 0193

  • BannerMissasMatriz.jpg
  • capela.jpg
  • FaixaAdoração.jpg
  • site-pascom2019.jpg